Técnicos da USP voltam a Sales Oliveira, coletam dados e realizam manutenção em equipamentos


Técnicos realizam manutenção em estação sismográfica de Sales Oliveira

Dois técnicos do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG) da Universidade de São Paulo (USP) estiveram no último fim de semana em Sales Oliveira para coletar dados das estações sismográficas do município e realizar manutenção nos equipamentos.

A expectativa da Prefeitura é de receber em até um mês relatório técnico com informações sobre os estudos feitos no município. Segundo os profissionais do IAG-USP, as causas dos eventuais tremores de terra na cidade ainda são desconhecidas.

De acordo com os especialistas do instituto, os estudos dos eventos sísmicos demandam semanas ou meses devido à necessidade de obter registros simultâneos dos aparelhos e informações geológicas sobre as camadas de solo na área do município.

O IAG-USP reforça que os tremores não são graves, apesar de causarem preocupação e susto nas pessoas. Ao sentir algum evento, colabore com os estudos registrando o relato no site do Centro de Sismologia da USP, no botão “Sentiu aí?” (bit.ly/2KWWkOe).

Estiveram em Sales Oliveira o engenheiro eletricista Daniel Rios de Rosa e o mestrando em sismologia pelo IAG Andrés Felipe Hincapié Fresneda. No final de agosto, foram instalados quatros sensores na cidade para identificar o ponto de origem, intensidade e direção dos abalos sísmicos.

Anterior Setembro Amarelo; veja vídeo
Próxima Escritor salense distribui livro gratuitamente para alunos, professores e funcionários da Emei e Ceac

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *