Atrativos Rurais


Projeto Macaco & Cia

Marcante opção em turismo rural na região e núcleo de preservação ambiental, o Projeto Macaco e Cia. Surgiu para agregar valor à propriedade rural, além da urgente necessidade de conscientização do público infanto-juvenil.

Além do alerta quanto à importância da proteção da natureza, o trabalho atrai ainda as atenções das pessoas que já possuem uma maior educação nesse sentido, muitas vindas dos grandes centros urbanos como São Paulo, Uberaba e Ribeirão Preto, dadas a proximidades, visando usufruir do lazer de maneira saudável.

A Fazenda Santa Luzia, local onde é desenvolvido o projeto, está distante 04 quilômetros do centro da cidade e é dona de matas ciliares, reservas florestais e da mais variada fauna nativa, rica em biodiversidade.

No campo pedagógico, desenvolve atividades temáticas ao longo do ano, com calendário diversificado, de acordo com datas comemorativas com roteiro personalizado de acordo com 

o público, o que possibilita, inclusive, a oportunidade de confraternizações entre alunos e professores na procura 

pelo contato com o meio ambiente.

Enquanto absorvem os ares do campo, sem se dar conta, os alunos aprendem a preservar a natureza através de ações recreativas incluindo trilhas interpretativas, totalmente apropriadas para o ambiente; tudo isso sob os olhares atentos de monitores especializados.

O local é também uma alternativa para fugir do estresse, proporcionando a pessoas de todas as idades um período de tranquilidade, vivenciando o dia-a-dia da fazenda, através do barulho das cachoeiras, das trilhas, da culinária do campo e do contato com os animais.

 

 

 

 

 

 

 

Fazenda Santa Luzia

Endereço: Estrada do Lageado (Coordenadas: 20.800974 – 47.827466)

Horário de Visitas: Todos os dias, a partir das 10 horas.

 

Fazenda Morro Azul

 

Localizada entre os municípios de Sales Oliveira e Jardinópolis, o Morro Azul ganhou sua fama através dos motoqueiros que anualmente percorrem suas trilhas em busca de aventura, divulgando seus vídeos na internet.

O local oferece o melhor da comida de fazenda, em meio a natureza.  O destaque, entretanto fica para a cachoeira situada dentro da mata que rodeia a propriedade, propícia para se banhar e relaxar.

 

 

 

 

 

 

 

 

Coordenadas: 20,54’30” – 47,46’31”

Horário de Visitas: Todos os dias, com ou sem agendamento.

TRILHAS

Há dezenas de trilhas que atravessam o município, uma oportunidade única para trilheiros, motoqueiros, jipeiros, 

 

aventureiros e exploradores, seja a passeio, lazer ou em competições.

Os percursos entre fazendas antigas, canaviais, bolsões de mata nativa e mata ciliar apresentam diversos graus de dificuldade e declividade do relevo, permitindo a contemplação de pássaros nativos e distintas estruturas abandonadas.

 

 

 

 

 

 

 

Trilha da Estrada da Cambaúva

 

ANTIGA SENZALA

Localizada dentro das terras da antiga Fazenda Santa Bárbara, a senzala de dois andares e quase 1 século e meio, construída  atrás da residência do antigo administrador da propriedade.

As paredes são de barro, sem revestimento, Os escravos ficavam na parte inferior do prédio, onde o piso ainda é de terra batida, enquanto a parte superior, onde o assoalho é de madeira, era destinada ao depósito de grãos.

 

ESTAÇÃO GUAIUVIRA

Inaugurada em 1900, a Estação da Guaiuvira funcionou até 1979, quando a linha foi desativada. Antigo ramal de Igarapava, a estação foi ponto de conveniência para viajantes e moradores locais, com sua hospedaria, selaria, bar e restaurante. Ainda sob jurisdição do DNIT, o prédio está relativamente conservado. Além da plataforma, e do antigo leito da linha, encontra-se ainda de pé a Casa do Chefe da Estação.

SÍTIO IPANEMA

Ao lado da estrada de terra, o imponente casarão de tom avermelhado, destoa solitário entre canaviais e restos de mata nativa.  Construído no final do século XIX, o imponente casarão servia de residência, deposito de café e alojamento de escravos.

CAPELINHA DA SANTA CECÍLIA

Ao lado da estrada de terra, o imponente casarão de tom avermelhado, destoa solitário entre canaviais e restos de mata nativa.  Construído no final do século XIX, o imponente casarão servia de residência, deposito de café e alojamento de escravos.

Trilha da Fazenda Lageado

FAZENDA SANTA LUZIA

Conhecida regionalmente pelo Projeto “Macaco e Cia”, a Fazenda Santa Luzia há alguns anos desenvolve um programa de Educação Ambiental envolvendo Turismo Rural e resgate das raízes culturais do nosso povo.

De um modo geral, os alunos recebem informações sobre preservação ambiental, fauna, flora, além de participarem de atividades, sobre o dia a dia de uma fazenda.

A propriedade também é a única da região de Sales Oliveira a disponibilizar acomodação para turistas, no estilo Turismo Rural.

Grande produtora de café no início do século XX, tanto a sede da fazenda, quanto  o terreirão, a máquina de café e as casas para os colonos foram construídos em 1921.

FAZENDA LAGEADO

Conhecida por sua criação de bovinos da raça Guzerá, Guzolando e Búfalos Jafarabadi, a Fazenda Lageado destaca-se também pela criação de cavalos da raça Mangalarga e Piquira, tanques e represas para psicultura e avicultura de corte com aproximadamente 120.000 frangos alojados em 06 galpões.

Na área da Educação Ambiental e Turismo Rural, a Fazenda Lageado apoia e colabora com o Projeto Macaco & Cia, implantado pela Fazenda Santa Luzia.

Destaca-se a antiga tulha de café e a sede construída na metade do século XIX.

 

 

 

 

 

 

Trilha da Estrada da Olaria

CAPELA DO ENEGENHO

Rodeada pelo canavial, nas redondezas da Fazenda Engenho, a pequena capela de portas vermelhas chama a atenção dos trilheiros que se aventuram pela região. Construída entre o final do século XIX e início do século XX, esta é a única igreja em todo o município em que a imagem de São Sebastião, ocupa o nicho central da capela.

CAPELA DO BARRO PRETO

Escondida em meio à vegetação, às margens de um pequeno ribeirão, a Capela do Barro Preto, ainda que em ruínas, é o último vestígio do que antes foi um entrave comercial tão típico da década de 40, as pequenas vendas de Secos & Molhados.

CAPELA DA FAZENDA MELADO

Rodeadas por canaviais, à beira de uma estrada de terra, essas capelinhas esquecidas pelo tempo, são um convite a trilheiros, motoqueiros, jipeiros, aventureiros e exploradores.

Vestígios de antigas colônias há muito demolidas, essas capelas ainda guardam seu encanto e beleza arquitetônica.

FAZENDA MELADO

De propriedade dos Pereira Lima, família de fazendeiros abastados, responsáveis pela formação do município de Sales Oliveira, a fazenda Melado remonta a meados do século XIX, mas a sede como é conhecida até hoje, só foi construída em 1882.

Mármores, revestimentos, vidros, lustres, importados da Europa chegaram de carro de boi até a fazenda, mas o que ainda chama a atenção é o relógio instalado no pórtico da residência, emoldurado por entalhes de madeira.  Aliás, tanto o relógio quanto a fazenda são ricamente adornados.

Trilha da Vicinal 6000 / SP328

FAZENDA SANTA HELENA

 

Rodeada por fileiras de coqueirais, a sede da fazenda Santa Helena destoa de outras tantas propriedades cafeeiras da região. Não há vestígios de tulha, ou terreirão de café, apenas a sede que remete a meados do século XIX, o velho curral de leite e o deposito em anexo.

Mas é no interior do velho casarão em estilo colonial, que se encontram vestígios de arte produzida por mão escrava.

 

 

 

 

 

 

TULHA DE CAFÉ – FAZENDA SÃO SEBASTIÃO

Erguida em alvenaria de tijolos aparentes, sobre porão alto necessário à instalação de equipamento de benefício de café, a tulha da Fazenda São Sebastião, foi construída no início do século XX. A sua frente estende-se o terreirão para secagem do grão.  Com o tempo, o trilho de bitolas estreitas que carregavam o café para a tulha, foram retirados.